Respostas do Musta (parte 2)


*obs. Eu que digitei as respostas desta vez, pra acelerar o processo ehehehe então desta vez vcs não estão lendo o português dele.

Qual foi a sua primeira impressao do Brasil? A primeira coisa que voce pensou quando viu a nossa cultura?

Minha primeira impressão foi muito boa quando eu pousei em Guarulhos e eu vi tudo muito movimentado, com vida. Eu também gostei de ver muito verde em volta do aeroporto. Mas eu fiquei muito chocado com a língua e eu me senti muito perdido quando comecei a escutar Português dentro da padaria, que foi o primeiro lugar que conheci no Brasil depois do aeroporto.

Eu sei que cada pessoa reage de uma maneira, cada família tem uma resposta, mas o que dizer em um caso como esses em que o rapaz pretende se casar com uma estrangeira? E com brasileira especificamente? Ha algum tipo de preconceito, mesmo sendo muçulmana? É muito incomum?

Não somos racistas desta maneira, mas depende de cada família e cada homem. Muitas famílias aceitam e a minha é uma delas, mas você também vai encontrar muitas que recusam.

– Já sentiu vontade de largar tudo aqui e ir embora de volta?

Claro, desde o primeiro mês eu tenho este sentimento de querer voltar e até agora às vezes isso volta. Mas eu me concentro logo de novo no que tenho de fazer e me controlo.

– Qual a dificuldade de aprender português? Quanto tempo leva para aprender?

Português é muito difícil especialmente porque as pessoas não tem paciência para ensinar e entender o seu português de inciante que é horrível, além da sua pronúncia estranha de gringo. As pessoas te deixam rápido nesta fase ehehe Mas muitas pessoas me ajudaram aqui na língua, como a Marina e minha sogra. Eu comecei a falar com uns dois meses de Brasil, mas depende da pessoa.

– Se um homem muçulmano casar com uma mulher estrangeira e não muçulmana, os dois terão alguma dificuldade para viver na sociedade lá no Egito?

Não é comum se casar com alguém de outra religião, mas acho que não seria um problema tão grande por lá, desde que o casal saiba lidar com isso bem

– A maioria dos egípcios é muçulmano, não é? O que eles(e vc tb) acham das pirâmides e toda a história dos faraós, deles terem sido considerados deuses e etc?

Os muçulmanos não tem problema com o antigo Egito. Faz parte da nossa história e temos muito orgulho dela. Sabemos que nossos antepassados eram grandes pessoas e nos deixaram uma civilização e cultura fantásticas, que nunca vão desaparecer.

Tem uma pessoa boba no meu trabalho que sempre vem com graça para cima de mim, e fica falando na minha frente “Salamo Alaykom” “Insha Allah”, e fica fazendo comentários rindo, fazendo graça… mas se eu falo sério com ele, ele foge. Aí um dia ele veio querer fazer piada com as pirâmidades, coisa que ele nunca vai nem ver na vida dele, só na TV, então eu virei para ele e falei:  ‘Então esta é minha cultura, e a sua, qual é?” eheheeh Ele respondeu “Ahh tem carnaval aqui”. Bom, eu deixo para vcs os comentários sobre isso, eu não falo nada heheheh

– Por que o porco é considerado um animal impuro?

Eu gostaria de responder esta questão de outra forma. Porque o porco não é proibido para os cristãos mas outras religiões como Islã e Judaica são proibidos? Porque vocês estão comendo porco se Jesus nunca comeu isso antes? Este é um lado da resposta, do outro o porco é um animal que aceita comer qualquer coisa, come lixo… Hoje as pessoas dizem que tomam muito cuidado na criação de porcos e limpam o local onde ele está, mas ele é capaz de comer as próprias fezes se deixar. Ele come ratos, insetos, pode até comer um animal morto, além disso o porco pode conter até 450 doenças em sua carne .

Depois disso, tem ainda um outro ponto religioso, que a gente deve seguir a religião mesmo não tendo um motivo para tal.  Não precisamos saber todos estes problemas da carne do porco, porque Deus já proibiu e eu não vou comer porque é proibido e Deus tem um motivo para isso. Mas uma pegunta para os cristãos: porque vocês não comem gatos e cachorros? Pq na Bíblia não tem nada específico sobre se alimentar destes animais?

– O que vc está achando de ver tantos japoseses aqui em São Paulo?

Quando você entra na Liberdade parece que está no Japão. Eu acho que é bom ter aqui no Brasil tantos imigrantes com suas culturas, é bom para os brasileiros aprenderem sobre os outros e ver diferentes mentalidade.

Anúncios

Sobre Masr culinária mediterrânea

Encomendas para Zona Oeste e Centro de São Paulo. Outras localidades sob consulta. Como trabalhamos com matéria-prima fresca, o ideal é que pedimos sejam feitos com antecedência.

Publicado em fevereiro 5, 2009, em No Brasil e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 11 Comentários.

  1. Marina e Mostafa, obrigada por terem respondido minhas perguntas =)
    Posso perguntar mais?? Sou mto curiosa hahah

    Eu não sabia que Jesus não comia porcos, isso é mto interessante. Eu, pessoalmente, não como carne de porco porque não gosto, só de sentir o cheiro já fico enjoada, comer então nem pensar!
    Deus proibiu o consumo da carne de porco no Alcorão?

    E Mostafa, vou falar por que os cristãos(pelo menos do Brasil, que é onde moro e posso responder, né) não comem gatos e cachorros. É uma coisa cultural, a gente aqui no Brasil vê cães e gatos apenas como bichos de estimação, em muitos casos como alguém da família…as pessoas esquecem que uma vaca, uma galinha, um boi, um peixe, são tão animais quanto nossos cães e gatos. Daí, se vemos uma cultura que come, como por exemplo a China, ficamos abismados e ultrajados, pois imaginamos que poderiam ser nossos cães e gatos a serem comidos.

    Mas, minha opinião pessoal sobre tudo que eu falei é que isso de comer animais (vacas, bois, peixes, galinhas, cães, gatos, etc) depende de cada cultura, e muitas vezes a cultura vem da religião, por isso é tão diferente de uma pra outra.

  2. He he he… REspondeu a minha… Obrigada!

  3. Oi Mostafa e Marina!!
    Queria esclarecer uma coisa pro Mostafa a respeito disso. Olha so Mostafa, o porco eh animal proibido pela biblia sim, assim como o camelo e muitos outros, porem o povo do Brasil come por pura ignorancia da verdade. Falam ser cristaos mas nao leem a biblia. Simplesmente seguem o que convem e nao o que eh dito na biblia a risca. Meu noivo eh muculmano, eu sou crista, mas respeito muito a religiao dele, assim como ele respeita a minha. Para respeitar, claro estou aprendendo mais sobre o islam, e acho que eh uma religiao fascinante.
    Estou amando o blog de voces. O amor entre os dois eh muito lindo, mashallah!!! Que Deus os abencoe assim para sempre, Inshallah!
    Beijinho

    • O brasileiro NÃO É O ÚNICO POVO que come carne de porco e não acho que seja questão de ignorância. A observação foi muito superficial.

  4. Carnaval é algo pertencente à cultura brasileira, Mostafá. Assim como o futebol. Se a deturpam ou não, se a maioria gosta de se divertir ou a minoria não, depende do ponto de vista de cada um. Portanto, não entendi o que quis dizer com a pergunta ao rapaz, qual foi a comparação.

    • Bia, foi alguma piada que o rapaz ficou fazendo com pirâmides, fazendo graça… e o Musta, já aprendendo a ironia, perguntou qual era a cultura do Brasil, e a pessoa falou que era carnaval… ehehe é difícil comparar a civilização egipcia com carnaval, na verdade acho que nem cabe, mas foi só pro sujeitinho parar de fazer piada com algo que ele nem imagina a importância que tenha.. já carnaval, pode até fazer parte do Brasil, mas não é algo que deixa um legado para humanidade como os egipcios deixaram.

      • Marina, acho a comparação descabida. Se tivermos que deixar um legado milenar como os egípcios, temos que levar tempo, pois pertencemos ao chamado Mundo Novo. Se até lá, este nosso evento profano, que como muitos surgiu de algo sagrado lá atrás, vai se tornar algo milenar, não sabemos. Mas que ficará na nossa história ficará.

        Já a brincadeirinha ….. a diferença sempre causa certa impressão estereotipada por um tempo ou bom tempo. Tolerância é necessária, mas uma chamada de atenção ou dica para dizer que limite é bom, pode ser dita. Espero que o rapaz já tenha se mancado e parado com as piadinhas e tenha começado a se interessar por outras culturas. Não adianta ficar entrando e jogando o mesmo jogo do outro. Alguém vai acabar ofendido mesmo.

  5. Beatriz
    O carnaval dos dias modernos so presta pra defamar as brasileiras que moram fora do Brasil e sim, ja virou putaria extrema. Aquele carnaval dos tempos antigos morreu faz tempo rs
    Por conta disso a gente tem que relevar e engolir seco as muitas piadas feitas ou o assedio dos homens de outros paises….
    Pra mim seria descabido e imoral o Brasil ter um legado historico cultural como o carnaval.
    Eu nao sei se vc so fica em SP nessa epoca, pois eu tive oportunidades de ir ao carnaval de Salvador e acho que ate uma casa de swing deva ser mais discreta.. O povo se “comia” no meio dos blocos, era um transando com uma ou um e depois ja ia pra cima de outra ou outro…
    Choquei rs
    Porem, essa eh a imagem vendida para o exterior, mulher sambando pelada ou pintada (ta pelada rs) e qdo alguem sabe que a gente eh brasileira pensam que aqui o povo anda de biquini ou fantasiado.. Ja ouvi cada uma hehhehe
    beijos pra vc

  6. Taciana, eu entendi perfeitamente o sentido. Só acho que ele fale isto abertamente, assim como desviou na segunda pergunta da entrevista e quem fez a pergunta também deixou um subentendido. Concordo que a nossa imagem não é linda lá fora. Eu tentei abordar isto e testar a questão no meu curso de turismo e depois no stand da Embratur na feira de Turismo, principalmente no quesito turismo sexual e a desconversa foi total. No curso os professores quase me sabotaram. Infelizmente, o carnaval virou comércio de todos os tipos e em algumas cidades, como Rio e SP, desde que carnaval virou competição de escolas de samba, tudo descambou. AGORA, o Carnaval como cultura é outra coisa, Taciana. Eu também tinha esta mentalidade, mas quando fomos estudar a origem do carnaval, eu aprendi muita coisa. Tudo isto de negativo é outra história. Aprendi a separar o joio do trigo nesta questão. Também não gosto da época e não participo, mas aprendi a ver o outro lado da moeda…. o lado cultural. O estrago é algo que as nossas autoridades tem que resolver, pois o dinheiro rola solto e, por causa disto, eles fizeram o estrago. Você sabe como se originou o carnaval em SP? Eu não sabia. É muito interessante. Diferente do Rio. Só se tornou esta competição igual ao Rio, porque D. Globo exigiu, para que houvesse transmissão. Sabia? E, porisso, as escolas de samba paulistas só começarão a se organizar e a obter dinheiro para isto somente a partir dos anos 70.

    Quanto a relevar, bom…. eu relevo até onde acho que posso. Mas, quando morei lá fora, já dei umas respostinhas a respeito e pessoal ficou calado. E fundamentado, não como muitas jovens brasileiras vivendo lá fora, que abre fica batendo boca como criança birrenta, estragando mais ainda a imagem de nosso país.

    Veja a ironia, Embratur quer colocar uma outra imagem para o Brasil para Copa 2014, mais voltada ao meio ambiente e a nossa biodiversidade. Acho legal, ótimo. MASSSS…. onde será realizada grande parte da Copa?Onde estão os maiores investimentos do governo para este evento e Olimpíadas? Daí, como mudar realmente esta imagem nossa tão denegrida? Paradoxal.

    Continuo achando descabido a comparação. Uma coisa não tem nada a ver com a outra. Que tal comparar piramides com a arquitetura de BSB? Sou a favor de mostrar ao personagem engraçadinho que ele está passando dos limites de outra maneira.

    Um bom domingo a você e demais participantes deste blog!

  7. Gostaria de saber sobre casamento entre brasileira e a pessoa do Cozovo. Obrigada

  1. Pingback: Esse blog me faz viajar… « Egito e Brasil

Deixe um comentário e vamos interagir!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: