Casamento no Egito (parte mil ehehe)


Olha eu voltando para este assunto! Não sei se já estou repetindo coisas, mas como as perguntas sempre voltam, gosto de explicar melhor aqui o que der.

Se você é daquelas que me visita pois tem um amor no Egito, com certeza está louca pra me fazer mil perguntas sobre documentos, papéis, o que levar, como é o casamento muçulmano, etc.

Para facilitar tudo e minha vida também (agora para quem me perguntar vou mandar direto o link deste post) vou dar alguns detalhes importantes.

Primeiro, para você se casar no Egito, precisa ser SOLTEIRA. Básico não? Mais ou menos, pois já vi muita mulher divorciada tendo problemas por lá simplesmente por achar que não pediriam algum papel do Brasil provando isso. Não adianta insistir, nem mesmo o casamento só religioso pode ser realizado.

Por conta disso, você precisa levar além da certidão de nascimento atualizada, um documento feito em cartório indicando que é solteira. No caso o que eu fiz exigia duas testemunhas e foi assinado por um juiz de paz. Não custa caro, em torno de R$ 20, por isso não deixe o cartório de extorquir.

Outro ponto importante é ver o comprometimento do seu habiby para que o casamento seja realizado de forma rápida e séria. Não é você que deveria ficar caçando o que tem de levar para lá ou não, perguntando para outras brasileiras como eu, pois o que eu fiz pode não ser mais válido no momento que você for, algum documento extra ser requisitado. Ou seja, se ele quer casar com você lá, nada mais justo que ele te passe a lista de documentos que você precisa, certo? Falo isso porque quando eu me casei foi assim que aconteceu, tanto que casei no dia seguinte que cheguei lá sem nenhum estresse. Mas muitas meninas se ofendem comigo quando eu digo que elas devem perguntar a lista de papéis para os noivos e não para mim, desculpe mas é somente o caminho mais fácil, pois já vi muita menina chegar lá e ficar fazendo uma verdadeira “via crucis” na embaixada para conseguir permissão para casar e, no fim, muitas nem conseguem.

Eu, por exemplo, não casei via embaixada no Cairo, como a maioria faz, mas direto do Fórum da Família em Alexandria. Aliás, só precisei da embaixada quando voltei para o Brasil, para tirar o visto do Mostafa e carimbar documentos egípcios.

Bom, outra coisa para se alertar: no Egito tudo envolve religião. Ou seja, se você se converteu para o islamismo, não basta chegar lá e dizer que é muçulmana agora, porque toda estrangeira eles assinalam como cristã. Não adianta nem mesmo levar papel de mesquita brasileira, que para eles não significa nada. Lá a religião é passada de pai para filho, e vem escrito no RG deles. Como nosso RG não diz nossa religião, caso você não faça uma conversão oficial lá, eles te casam como cristã.

Se você realmente se converteu não vai querer um papel escrito uma religião que você não segue, então vá se converter “oficialmente” em Azhar. Azhar fica no Cairo e é a central islâmica do Egito. Os sheiks são totalmente preparados para falar com gringos como você, são super simpáticos e respondem à dúvidas, fazem questionamentos. Depois disso, vc faz a profissão de fé e recebe um certificado para tal. É tudo de graça, não deixe nenhum engraçadinho tentar cobrar algo, como advogados etc, lá mesmo você verá uma placa bem grande, em inglês, dizendo que tudo em Azhar é gratuito. Aproveite  e peça uns livrinhos também, tem até em português!

Se você realmente se converteu, o papel de Azhar também te garante os direitos de esposa muçulmana de herança e outros detalhes. Se você for cristã casada com um muçulmano, não tem direito à herança caso seu marido morra (já vai vir pedrada agora ehehehehe mas é assim que funciona).

Outro ponto importante. Como já disse, egípcios que não são casados não podem ficar no mesmo quarto de hotel ou apartamento no Egito. Mesmo se for algo alugado, pode ter certeza que algum vizinho vai bater na sua porta para te importunar ou chamar a polícia. Sem ser casado, também não é normal que a família dele deixe vocês ficarem na mesma casa antes de oficializarem a união, a não ser que seja por muito poucos dias e com uma barreira de tias e primas separando vocês durante a noite ehehehe (sim, elas dormem no chaõ ou em qualquer canto para proteger os dois de algum contato:-D ).

Agora, um fato importante: o casamento não é feito em casa ou na mesquita, mesmo sendo religioso. Por você ser estrangeira, fará tudo em um órgão oficial egípcio, e para ter certeza que está certo, verá um monte de selinhos no certificado de casamento, carimbos, etc. Existe um modelo de casamento chamado ORFI no Egito que é apenas um contrato sem validade legal, e pelo que eu saiba vai ser até proibido agora, sob o risco de prisão para os noivos se for realizado. Ou seja, se for um papel assinado apenas por amigos e um advogado não é válido, você vai saber se está casando no lugar certo ao ver um monte de documentos sendo pedidos, carimbos e selos no papel, além de muitas gringas como você na fila para se casarem também eheheheh

Por fiiiimmm, lembrem-se que mesmo casados, não é normal muita proximidade em público, beijinhos e abraços nem pensar. Dentro dos taxis, atenção redobrada, não vá ficar com sono e encostar sua cabeça no ombro do maridão que vai tomar bronca. Também não pense que em lugares românticos como restaurantes a coisa é liberada. Se der um selinho ou encostar demais, com certeza um garçom chegará perto e pedirá para se afastarem. Andar de mão dada ou braços dados já é normal, pelo menos em Alexandria, mas fiquei sabendo de meninas que moraram em bairros mais pobres do Cairo e que nem isso em público podiam fazer.

Bom, espero ter sanado algumas dúvidas de novo!!

mamopq

E vivam felizes para sempre....

Anúncios

Sobre Masr culinária mediterrânea

Encomendas para Zona Oeste e Centro de São Paulo. Outras localidades sob consulta. Como trabalhamos com matéria-prima fresca, o ideal é que pedimos sejam feitos com antecedência.

Publicado em março 11, 2009, em No Egito e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 29 Comentários.

  1. Essas suas dicas foram valiosíssimas.
    É muito difícil encontrar informações sobre essas questões burocráticas.
    Tenho certeza que muitas meninas irão guardar este tópico.

  2. q linda essa foto de vocês dois! =) e as infos sobre o casamento foram ótimas tb, bem explicativas!

  3. Querida Marina obrigada por fazer este post esclarecedor. Concordo com você que quen tem que dar estas informações são os noivos que estão lá, mas se tratando do Egito há de se ter uma porção maior de paciência, além é claro das informações desencontradas que recebemos. Por isso devemos te agradecer pela dedicação e carinho com que você escreve estes posts. Aliás, como é mesmo o nome lá deste fórum da família?

    PS: Essa sua foto é linda!

    Bjinhos

  4. Se você for cristã casada com um muçulmano, não tem direito à herança caso seu marido morra (já vai vir pedrada agora ehehehehe mas é assim que funciona).

  5. Se você for cristã casada com um muçulmano, não tem direito à herança caso seu marido morra (já vai vir pedrada agora ehehehehe mas é assim que funciona).

    QUE ABSURDOOOOOOOOOOOOOO!!!!!

  6. Marina, sugiro um post sobre como validar o casamento no Egito para aqui no Brasil, e se isso já dá direito ao visto de brasileiro para o marido!

    Bjos!

  7. sheila, já fiz um tópico sobre isso, olha aqui: https://egitoebrasil.wordpress.com/2009/02/05/visto-para-estrangeiro-no-brasil/

    O casamento com uma brasileira dá direito ao visto permanente, desde que sejam cumpridas toda uma grande etapa de burocracia!!

    beijos

  8. Bem, só de pensar nessa próxima etapa da minha vida já começo a ficar com os cabelos em pé!
    É melhor não pensar…muito.. 😀
    Beijos

  9. Oi Marina, nossa , me desculpe, tinha me esquecido do seu post sobre o visto!

    E numa coisa concordo 100% contigo: quem deveria providenciar tudo p o casamento, seria o noivo! Eu não ficaria com um cara lerdo e sem iniciativa!

  10. Bom comentar sobre esse assunto Marina, eu tive essa experência, e posso afirmar que para casar no Egito tem que levar certidão de nascimento emitida com menos de 30 dias, traduzida em arabe por um tabalião oficial aqui no Brasil, senão não poderá casar, e se for casada e ainda não tem a averbação do divorcio onde você possa usar o nome de solteira novamente, nem tente casar-se no Egito nem no religioso existe a possibilidade de um sheik casar você com seu habibi, pois é contra a lei de Deus, pois para o Islam você terá dois maridos e isso é contra os principios deles. E eu estraguei minha vida aqui no Brasil porque também achei que um sheik poderia me casar com meu habibi, ja que meu ex-marido se recusa a assinar o divorcio, e fui para Cairo, mas voltei, porque meu visto vencia em 30 dias, sem me casar.
    Por isso meninas e mulheres que pretendem casar-se no Egito, tenham muito cuidado com o que realmente querem para a vida de vocês. É uma decisão muito importante e deve ser muito bem analisada, e pesquisada.
    Marina, obrigada por todas as dicas, mas minha história com meu habibi não deu certo. Agora vou tentar voltar para minha vida e esquecer todos que me lembram essa história. Estou com muitos problemas em função desse assunto, e o pior de tudo que eu achava que não amava tanto o meu habibi, mas agora que eu o conheci, ele ainda acha que eu vou voltar para me casar, mas as confusões que criei aqui no brasil estão me impossibilitando uma nova viagem, e eu agora que o conheci de verdade estou sofrendo mais do que antes que era uma simples tela do meu computador. Novamente obrigada e Adeus – Um grande abraço para Você e Mostafa. E até um dia. bosas

  11. Marina
    Você é como uma bússola. E o melhor de tudo é que atraí só pessoas boas aqui que passam a frente suas experiência. Estarei indo para o Egito casar com pós-graduação em lição de vida neste blog. Mulheres maravilhosas que tendo dado ou certo ou não iluminam a nossa mente e nos orientam.
    Nádia, não há nada mais verdadeiro do que o amor que supera dificuldades. Se você tiver no destino dele e ele no seu nada irá desviá-los, podem retardá-los mas não desviá-los. Não desista nunca! Caminhos tão diferentes e cruzados não é por acaso.

  12. Aliás alguém conhece algum tradutor juramentado no rio de janeiro para fazer a certidão?

  13. Meu amado Gamal informou que além de ter a certidão feita por tradutor juramentado e autenticada e o termo do cartório afirmando o estado civil, precisa levar os mesmos para embaixada ou consulado para serem endossados e validados. Só autenticado no cartório não adianta. Já vi o custo é de R$ 110,00 por cada folha de documento endossado. Quem tiver filho deve fazer o mesmo com a certidão e o histórico escolar(traduzir, autenticar e endossar), para comprovar a série que esta cursando e conseguir estudar lá.

  14. estou vivendo uma historia bem parecida , namoro um egpicio pela net há alguns meses, ele queria casar por procuração , mas moro em uma cidade pequena, nao consegui faze-la, devo ir pro egito me casar, mas sou divorciada há anos, espero nao ter problema

  15. AFSSSS…
    COISINHA BARATÍSSIMA SE ENVOLVER E DEPOIS CASAR COM UM EGÍPCIO !!
    KKKKKKK KKKKK
    DESCULPEM A BRINCADEIRA, GENTE !
    MAS, COMO JÁ DIZIA MINHA FALECIDA AVÓ:
    “O MUNDO DÁ TANTAS VOLTAS, MINHA FILHA!”

  16. assalamo aleikum!
    gostaria muito de me casar com um sheik, por ser muçulmana e seguir a cultura árabe!
    quero um compromisso sério!

  17. quero receber meus comentários através de meu email por favor!
    obrigada!

  18. ola, achei que eu era a única em conhecer e namorar um egipcio, mas agora estou vendo que nao sou tao louca assim 🙂 estou indo para cairo em junho me casar , ele vem pedir meus pais e me levar .Nunca estive tao feliz na minha vida , mas te falo que estou com medo por causa das tradiçoes e nao me adaptar, mas estou disposta a encarar pois se eu nao tentar nao vou saber nhe ? BJOS e to adorando ler tudo sobe la com voce

  19. Tenho uma dúvida: conheci um egipcio que mora no Rio há 8 anos e relata ser divorciado lá no Egito.Os filhos moram com a mãe, entretanto no primeiro encontro ele soltou sem querer ” minha mulher”., depois manteve a postura de divorciado. Entretanto ele nunca se casou aqui no ocidente. Ele pode ser casado? Ele ficou 1 ano e 5 meses sem férias ou seja sem ir ao Egito.Será que ele é casado?

  20. AISHA LATIFA JADE

    assalamo aleikum!
    gostaria muito de me casar com um sheik, por ser muçulmana e seguir a cultura árabe!
    quero um compromisso sério!
    quero cuidar e amar meu marido,poder cuidar de minhas filhas, e ter uma família.
    Amar e poder ser amada!
    por favor me responda.
    estou a sua espera príncipe encantado de meus sonhos.

  21. Assalamu aleikum.Irma,eu tenho uma declaraçao que sou muculmana feita e assinada por um sheikh no brasil,em portugues e tambem traduzido para o arabe.Isso é valido no Egito ,ou vou ter que ir lá na mesquita e fazer novamente a shahada para conseguir o documento??

  22. irma,eu já liguei pra embaixada,consulado… afinal onde vou traduzir os doc para arabe? o visto é melhor eu já conseguir no Brasil ou no aeroporto no cairo?

  23. Oi Marina.. eu estou no Egito,já casei no religioso e no civil. E agora minha dúvida é , se é muito importante que eu registre o meu casamento na embaixada do Brasil? Porque eu e meu marido estivemos lá ,mas nao fomos muito bem atendidos, e tinha o tal regime de bens, que nao tem nada haver com islam,e na hora meu marido nao concordou..e agora nao sei se faço ou não? ou se espero quando for ao Brasil.. eu vou em junho de 2011,mas ele nao vai comigo ,sera que eu posso fazer isso sozinha no Brasil? Fica com Allah!! Salam..

  24. Oi Mariana!
    Sou brasileira mas estou na Itália. Embarco dia 14/06 para o Egito para me casar. Eu não sabia dos documentos necessários. Minha irmã está providenciando no Brasil minha Certidão de nascimento atualizada e uma Certidão negativa de Casamento (emitida pelo registro civil). Estou com pouqúissimo tempo. Esses documentos precisam ser legalizados no Brasil, embaixada egipcia, antes de seguirem para o Egito? Posso fazer a tradução no Egito? Por favor, me esclareça isso ….Obrigada!

  25. Muito bom essa page,tirou muitas dúvidas minhas.

  26. Irma Naiara da Silva Pinheiro

    Eu gostei muito das suas palavras . realmente meu futuro esposo me mandou a lista mas eu queria confirmar . olha gostaria. muito. se você puder me dar um emails gostaria muito de falar com você eu vou me casar a agora em abril estou muito nervosa sou divorciada. e não sei nada sobre lá .se você poderia . mandar porfavor um email em meu email eu ficará muito grata obrigada .

  27. Olá Irma Naiara,,,voce poderia me mandar a lista?
    malumarques1974@yahoo.com.br
    ou me add no facebook o mesmo email…obrigada

  28. Oi irmã…. você tem o endereço ou telefona do Fórum da Família no Egito? Obrigada!
    meirecanale@hotmail.com

  29. Desculpe, Fórum da Família em Alexandria. Endereço ou telefone. Meu noivo é de lá.

Deixe um comentário e vamos interagir!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: