Amizades virtuais


Muita gente não acredita em coisas “virtuais”, que só existem na internet. Apesar da conexão entre computadores existir há muitos anos, até hoje muita gente tem dificuldade de entender, no campo de relacionamentos pessoais, se algo feito na internet também é válido para a vida real.

Assim foi quando eu conheci meu marido na internet, a maioria absoluta das pessoas diziam que eu tinha perdido a razão. Algumas faziam perguntas óbvias: “Mas e se você encontrar com ele, e não gostar?” Na minha cabeça, só tinha uma resposta: “Como não gostar? Esta pessoa passa horas comigo conversando, sem me tocar ou querer algo em troca, me consola, me diverte? Seria o amor algo puramente físico, que exige a presença de corpo para existir?”

E, passando do campo do amor, que é para uma pessoa, existe outro espaço virtual muito mais amplo para se gostar. Que são os amigos de internet, aqueles que conhecemos por interesses comuns, que vão ganhando espaço pouco a pouco, e de repente, já viraram grandes conselheiros. Estes são mais diversos e difíceis de administrar. Mas é igualzinho na vida real. Tem gente que desaparece meses, mas quando volta, é aquela alegria, piadas, conversas sérias mas que a gente sabe que são pontuais. Já outros não, batem ponto todo dia, te dão o relatório de tudo que andam fazendo e estão sempre prontas para ouvir um desabafo qualquer. E os amigos reais, será que são tão diferentes assim?

Pois bem, eis que em alguns momentos da vida, estes mundos se encontram. No caso do seu amor online, é uma explosão de alegria, paixão, amor, confirmação, tudo junto. E quando são os amigos? Geralmente, é como encontrar um amigão de longa data, parece que vocês já se conheciam desde sempre, não é preciso tempo para ganhar confiança ou cuidado com as palavras, todo mundo se conhece, pois quem gosta no virtual, com certeza ama no real. E como na vida real, tem amigos que vão e vem, gente que se afasta, mas nem por isso deixa de ter importância.

E por conta disso, continuo a favor de colocar meus sentimentos na internet, em trocar, conhecer pessoas, crescer com os outros. E é claro, tem vezes que tem gente que não vai com a minha cara, mesmo que na internet essa cara na verdade é trocada pelo seu modo de se expressar e teclar.

Nessa minha vida de Egito e Brasil, tive oportunidade de conhecer muita gente… muita mesmo, e com todas aprendi e cresci. Nessa conexão de mundos virtuais, tive encontros históricos, como com a Nadir em Alexandria, que pra sempre vão ficar nas nossas memórias. Já no Brasil, conheci amigas especiais, algumas não citarei o nome pois como não tem blogs, não vou expo-las, mas hoje quero agradecer em especial a Katie, que organizou um encontro e fez dele mais uma prova de que vale a pena, sim, viver nesse mundo virtual. E que isso não é uma grande perda de tempo, que o maior bem das pessoas são as relações e o amor que entre elas pode existir.

Obrigada Katie!!!

Vejam a lembrancinha que a Katie fez para nós, achei super delicado da parte dela, ainda mais por celebrar os cinco anos que nos conhecemos:

Anúncios

Sobre Masr culinária mediterrânea

Encomendas para Zona Oeste e Centro de São Paulo. Outras localidades sob consulta. Como trabalhamos com matéria-prima fresca, o ideal é que pedimos sejam feitos com antecedência.

Publicado em março 11, 2012, em No Brasil e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 13 Comentários.

  1. “Obrigada Katie!!!” 2
    HHHHHHH

    TUUUUUUUDOOOOOOOOOO!!!!! ❤

  2. Oi, tudo bem?
    Que texto lindo… eu concordo com você, o mundo virtual é tão lindo quanto o real, claro que precisamos tomar precauções para não cairmos em armadilhas, mas no real é assim também…
    Também fiz amizades que mantenho até hoje através da net… acho muito bacana conquistar amizades assim, são tão reais quanto as próprias reais, rs
    Seu blog é muito lindo, amada!
    Beijos

  3. Bom dia, Marina!

    Desapareci … mas sempre que posso, dou uma olhadinha por aqui, já que recebo seus e-mails. Que linda idéia da Katie em reunir amigos virtuais. Tive e tenho amigos virtuais, sendo que alguns se tornaram reais e não me decepcionaram. Vice-versa. Mas, já tive alguns, que além de decepcionarem, mostraram falta de caráter. Bom, estes a gente trata de descartar e não pensar mais. Ou a vida não segue adiante, não é?

    Um lindo domingo a você e Mustafa!
    Bjs

  4. Ah kicoisa linda!
    Queria mto ter feito parte deste encontro..
    Sabe meninas.. depois que voltei a falar com meu habibi, minhas amigas de anos (as que conheço pessoalmente há 5, 10 ou 15 anos), começaram a se afastar de mim, alegando que eu estou louca pq tenho um relacionamento virtual, porque parei de encher a cara de alcool todo final de semana e porque eu digo que vou casar com ele… (um cara que conheço ha 9 anos pela internet mas não conheço pessoalmente).Encontrei esse blog e outros blogs que me fizeram muito bem, que me acolheram, e que me fizeram sentir que não estou sozinha…
    Isso é tão bom…
    Em uma época que eu só sabia chorar pq minhas amigas “reais” me diziam apenas que eu estava louca, encontrei pessoas maravilhosas que abrem meus olhos, me dão força e me fazem acreditar que pode ser possivel realizar o sonho, que é conhecer e viver uma vida feliz ao lado do meu amor virtual.. =)
    Alias… quero agradecer o carinho que recebo sempre da Marina e de todas as meninas especiais que me considero AMIGA DE VERDADE (mesmo por enquanto estando só no virtual)
    Estou AMANDO conhecer todas vocês!!!!!!!!!!!!!!
    beijinhos, Mary

  5. Posso dizer que li esse post e chorei um pouquinho, né? Eu queria muito estar nesse encontro, mas não deu! Adoro meus amigos virtuais! E são mesmo muito presentes em minha vida. São pessoas que estão do meu lado, que pedem socorro quando a coisa aperta e estão ali quando sou eu que estou gritando! Para mim, não são virtuais, são reais. É sempre bom lembrar que amizade e amor são relações espirituais acima de tudo. Existem muitas pessoas que estão próximas no plano físico, mas não se conectam com a gente no plano espiritual! Outras, tão distantes, às vezes entram pela madrugada para fazer com que a gente se sinta melhor… Esses últimos é que me são caros!

  6. Muito obrigada Marina.

    Obrigada também a outras meninas do encontro, e outras que também não foram nesse, com certeza terão outros encontros sim.

    Muita gente não sabe, mas conheço a Marina desde 2006, nos conhecemos em uma comunidade do orkut e fomos para o Egito em janeiro de 2007, lá nos falamos pelo telefone, mas não nos encontramos pessoalmente. Quando Marina e Mostafa vieram para o Brasil surgiu a idéia do primeiro encontro, o que foi muito legal. De lá pra cá as amizades com habibas cresceram e sempre que possível marcávamos um encontro real.

    Com a Marina mesmo já tivemos vários outros encontros, é uma amizade especial, eu a admiro muito e estou sempre acompanhando o blog Brasil e Egito, já fui mais participativa e ás vezes muito polêmica, mas ela sempre foi muito compreensiva.

    O Egito me trouxe muita coisa bonita de verdade, amizades legais que surgiram na net, coisa que eu mesmo nunca acreditei, só depois da experiência no Egito que vi que isso era possível, confesso que tinha mesmo muito receio de conhecer pessoalmente gente da internet, mas mudei meu conceito.

    A minha história com o habibi não foi pra frente, mas felizmente hoje tem muito mais informações sobre relacionamento entre brasileiras e egipcios e a Marina é sem dúvida a maior referência que conheço.

    Parabéns a você Marina, por manter a relação entre Brasil e Egito viva.

  7. Ahhhh, se eu morasse perto de vcs… rsrsrs
    Poxa, o tempo voa, já acompanho aqui desde 2007 ou 2008, nem tinha me dado conta…
    Fico sumida quando tem algum concurso importante, oh vida de concurseira! Mas nao deixo de fazer essa visita, quem sabe um dia vai ser real.
    Estive bem rapidinho, por poucas horas, só pra esperar um vôo em SP e conheci Halima, foi um prazer imenso, mandem lembranças p ela.
    Abração a vcs 😉

  8. Oiiiiiiiii,
    Gostei muito do post,pois me fez lembrar de momentos agradavéis co meus amigos virtuais,alguns vão e vêm,mas isso é normal…e gostaria de agradecer a sua amizade virtual,pois mata a minha curiosidade…rsrsrrs
    Espero q continuem assim,e agora vou seguir o pagina certa no fb,pois seguia a do egito brasil,mas ninguém falava e não tinha muitas atualizações….mas tudo bem.
    Estou junto com vcs no eu amo um egípcio… 😀 (ainda não amo nenhum,mas quando amar vcs vão saber 😉 )
    boa noite 😀

  9. Marina,
    A Katie é mesmo uma fofa, é daquelas pessoas que fazem toda a diferença no mundo virtual. Infelizmente não pude ir ao encontro pois um novo dilúvio acontecia em SP, mas, com certeza não faltará oportunidade de novos encontros.
    bjus

    • oooohhhh Nanci, obrigadão viu, eu senti sua falta, mas entendo seus motivos, logo vamos marcar outro,mais intimo, prq a Claudia tb nao foi e eu estou morrendo de saudade dela e sua tb, muitas fofocas pra colocar pra fora, bjs

  10. olá!!!

    Concordo plenamente com vc!!!! Nesse mundo virtual eu conheci muitas pessoas reais e maravilhosas!!!!

    bjux

  11. Olá!
    adorei tudo que voce expôs nesse texto,realmente é isso mesmo que acontece na vida virtual e real.
    parabéns por suas sábias palavras!!!
    Beijos!!!

  12. eu tb neh?????

Deixe um comentário e vamos interagir!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: