Tão perto, tão longe…


A gente não se conheceu logo ali. Eu medi os centímetros no Google Maps, nós nascemos a cerca de 12 mil quilômetros de distância um do outro. A gente também não tinha nada em comum, uma profissão, um amigo, um conhecido, um sonho. Não, a única coisa em comum que a gente tinha, naquela época, era um programa de computador com conexão à internet. Nós eramos um dentre milhões em nossos países, morávamos em cidades superlotadas e nas quais nos misturávamos facilmente pelas ruas.

O que nós somos hoje não começou intencionalmente, muito menos racionalmente. Sabe-se lá o que fez com que, naquele certo dia, a gente pensasse em ligar o computador na mesma hora. E alguma conexão misteriosa fez com que, justamente, a gente se encontrasse.

E nós superamos as coisas grandiosas. Até mesmo oceanos, juntos cruzamos. Ultrapassamos o senso da cultura, o que é certo ou errado para cada um. Não tivemos problemas com crenças, com a fé. Nossos gostos bateram, nossas vontades.

Mas eu continuo sendo única, você continua sendo único. Às vezes estamos tão perto, tão uníssonos, outras vezes tão longe, mais do que a distância já nos separou um dia.

Por isso, sei que o que nos une é maior do que um punhado de ideias, costumes ou crenças. Se fosse por qualquer coisa tangível, a gente poderia até ter se conhecido, mas nunca optado por ficarmos juntos.

Anúncios

Sobre Masr culinária mediterrânea

Encomendas para Zona Oeste e Centro de São Paulo. Outras localidades sob consulta. Como trabalhamos com matéria-prima fresca, o ideal é que pedimos sejam feitos com antecedência.

Publicado em setembro 27, 2012, em Sem categoria e marcado como . Adicione o link aos favoritos. 6 Comentários.

  1. Uau! Ter consciência de que somos pessoas e que pessoas são únicas é crescimento. E ter cosnciencia de que embora diferentes, podemos conviver com isto, aceitar um ao outro do jeito que é, é abrir o coração a aventura do amor. Beijinhos!

  2. texto lindo e profundo, tudo é transitório, ainda bem que amanhã será melhor que hoje, bjs

  3. Eu tenho acompanhado o seu blog há um bom tempo… nunca lhe escrevi, pois não queria parecer mais um “clichê”.

    Mas, hoje, você tocou tão fundo a minha alma com suas palavras… elas provocaram uma estranha e, ao mesmo tempo, aconchegante cumplicidade.

    Compartilhei as suas palavras com minha alma gêmea (citando a fonte…) e achei por bem compartilhar com você as minhas palavras a respeito do que senti ao ler seu post.

    Aí vai…

    “Dear

    Today I came home after a hard day… and I turned on the computer for reading my messages… and the first message was from a blog called “Egito e Brasil” (Egypt and Brazil).

    And the title of the post was “Tão perto, tão longe” (So close, so far) who writes these posts is a brazilian woman and her husband… an egyptian man.

    Reading this post it was like drinking a sweet nectar…

    I don’t want to make comparations or exigencies… the people are uniques like the life histories…

    I just want to share this with you… because I want to share with you everything I feel or I think about everything… :)”

    Obrigada, querida!

    Eu gosto muito da sua maneira de pensar sobre a vida… penso que, se nos encontrássemos um dia, provavelmente nasceria uma bela amizade.

    D.

  4. um texto muito lindo!!! parabens pela sua sensibilidade, entendo muito o que voce diz…. principalmente quando nao consigo explicar porrque sei que o amo…um dia disse :Ç só sei que quando olho pro seus olhos e seu sorriso , me transporto a um lugar de paz…não define tudo , mas foi o mais próximo que cheguei….compreensão é um grande remédio para os momentos difíceis. Gostaria de ouvir mais voce , é gostoso de ler…. que Deus abençoe sua famiíla….

  5. Quem mantém um relacionamento à distância por um tempo, sempre acha que quando estiver perto vai estar grudado, mas quando vencemos a distância, vemos que o relacionamento se torna mesmo igual outro qualquer, há épocas mesmo em que precisamos mais de espaço e acabamos nos distanciando.

    Já publiquei mais alguns posts em meu blog, acho que você vai gostar.

    Um beijo

  6. Oii..adorei seu texto..a algum tempo acompanho seu blog e gostei muito.conheçi um árabe pela internet mas ele esta aqui no Brasil a trabalho…já nos vimos pessoalmente duas vezes..nos amamos muito,mas não sei ainda como vão ficar as coisas..me pareçe que ele tem medo de contar a sua familia sobre o nosso relacionamento..ele quer vir morar no Brasil definitivamente para ficarmos mais próximos..mas não consegue uma soluçao..as vezes fala em casamento..outras diz que é complicado..estou muito ansiosa ..gostaria de compartilhar mnha história com vc..se me add danielle_zoz@hotmail.com obrigadaa

Deixe um comentário e vamos interagir!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: