Balanço de 2013 no Egito & Brasil


Chega esta época do ano e não há nada melhor do que poder sentar e organizar um pouco as ideias, tentando entender um pouco o que aconteceu e qual o resumo dos últimos 12 meses. O blog não tem tido muitos posts, pois minha vida mudou, o mundo mudou, a idade vem me tirando coragem de escrever tudo o que penso e cada vez mais levo em conta a privacidade da minha vida, já que agora sou mãe também.

Pois bem, nada de filosofia, nem texto elaborado ou poemas. Hoje vou escrever em tópicos mesmo uma coleção de “coisas” sobre este 2013. Espero contar com vocês em 2014, muito mais sempre está por vir.

Egito 2013

– O país continua em situação muito delicada. Com a queda de Morsi e a opinião pública polarizada, fica difícil de projetar um pouco do futuro do país. A situação está bem difícil. Para quem mora lá, o país definitivamente não é mais tão acolhedor e a violência, não só de atentados, mas nas ruas mesmo, como os assaltos, aumentaram demais. Como já disse antes, a era de “ingenuidade” dos egípcios, vivida na letargia do governo Mubarak, acabou de vez. As pessoas entraram no embate político e de ideais, mesmo que de uma maneira torta, e o país não é mais monossilábico e só sorrisos. Tem gente que sente falta da morosidade dos 30 anos de ditadura, onde tudo era errado, mas o país era estável. Na minha opinião, que não impacta em nada a ordem mundial, os egípcios acordando para a política e debatendo problemas, mesmo que muitas vezes usando de maneira errada a religião no meio, já é um avanço. Agora o que sai desse processo continua uma grande incógnita. Só espero que a intolerância religiosa, que tem crescido no pais, inclusive conta cristãos, seja apenas um sintoma momentâneo e passe a medida que a irmandade muçulmana volte a ser enfraquecida. Sim, eu não fico em cima do muro, Irmandade Muçulmana não trouxe nem traz nada de bom para o Egito, porém condeno a forma com que foram retirados do poder.

Brasil 2013

– Tivemos nossa primavera também, mas na minha visão um pouco carnavalesca. Como bons brasileiros que somos, transformamos o facebook em trincheira e falamos que não era só “por 20 centavos”. Mas no fim foi. Renan Calheiros continua rindo da nossa cara e ninguém mais fala nada. Protestos ocorrem toda hora, eu trabalho na Avenida Paulista e sei bem disso. Porém são movimentos muito desorganizados e que pensam apenas em reivindicações próprias, não há nada aparentemente que vá juntar de novo o povo em prol de uma luta comum e necessária, sendo que há muito que ser mudado por aqui. Ano que vem são eleições, veremos se todo esse movimento ajudará as pessoas a refletirem um pouco mais e provocar realmente uma mudança, com gente nova entrando e barões saindo pela porta dos fundos. Ricos eles já ficaram com nosso dinheiro, será que aprendemos a lição? As urnas nos dirão…

Minha vida 2013

– Só posso dizer que este foi mais um ano maravilhoso. Tá, não existe perfeita e a minha não é. Mas eu sempre comemoro todas as pequenas vitórias diárias. Não tenho grandes sonhos, não vou ser nunca milionária e já me conformei com isso. Sou uma eterna otimista e tenho a minha volta uma família maravilhosa, então aprendi a ver o mundo com óculos de lente cor de rosa, por mais piegas que isso possa parecer. Em 2013 passei por uma nova transformação radical, virei mãe e isso já basta para que este tenha sido um ano totalmente diferente e encantador. Vivi momentos de extrema felicidade, mas de muito medo também. No meu auge, estive pela Europa andando barriguda – não tem nada melhor do que ser uma grávida de seis meses – e vendo a neve pela primeira vez. No meu pior momento, fiquei trancada numa UTI pediátrica por vários dias.

Mas no fim, tudo deu certo. Como sempre dá não só pra mim, mas para todos. Basta sempre olhar o lado de bom de tudo que se vive, pois ele sempre existe.

Tchau e até ano que vem!

1480774_10152773626185656_733008964_n

Anúncios

Sobre Masr culinária mediterrânea

Encomendas para Zona Oeste e Centro de São Paulo. Outras localidades sob consulta. Como trabalhamos com matéria-prima fresca, o ideal é que pedimos sejam feitos com antecedência.

Publicado em dezembro 27, 2013, em No Brasil, No Egito e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 6 Comentários.

  1. Nossa Marina, como sua filhota está grande ! Parabéns querida, e que 2014 seja muito melhor que 2013. bjus

  2. Legal Marina, apesar das mudanças importa é q vc continua com o blog ativo, nem q seja 01 post por mês e sempre contribui para o crescimento de alguém do outro lado da telinha abs 🙂

  3. Marina, que o proximo ano te traga ainda mais felicidade. Eu também encaro a vida de um modo otimista, e os pensamentos bons atraem coisas boas para a nossa vida. E ser mãe é sem duvida uma das melhores coisas na vida, como alguém diz o nosso coração passa a estar fora do corpo. Abraço e Feliz Ano Novo

  4. gostaria de saber quantos Egípcios moram no Brasil?

  5. Marina,você disse que é contra a Irmandade Muçulmana, mas foi contra a maneira de como ela foi expulsa do poder. Faltou explicar como você acha que a Irmandade deveria ser expulsa. Acontece que esta explicação é tão importante que tudo que você escrever vira abobrinha, tipo amenidades. Explique o desastre que seria se o Exército não atendesse o povo em massa que pedia a morte da Irmandade. Não adianta você dizer que uma coisa é ruim, se você não diz como acabar com essa coisa.

  6. Ola Marina! Adorei seu blog …. Aprendi muitas coisas que acrescentaram no meu modo de pesar….Não importa quanto tempo leve pra voce postar novidades…. importante é que você mantenha o blog, que nos faz aprender um pouco sobre o Egito e seus homens….Rs… Obrigada! Fica com Deus! Que o senhor proteja você esua família!

Deixe um comentário e vamos interagir!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: